Tudo sobre Prostatite

Você já ouviu falar de prostatite? Caso não saiba o que é e quais são os sintomas e tratamentos dessa doença, continue lendo este artigo pois vamos te explicar tudo sobre ela. Acompanhe.

O que é prostatite

O que é prostatite

Em resumo, a prostatite é uma pequena inflamação e/ou dor e inchaço da glândula da próstata.

Podemos dizer que essa glândula que está localizada entre a bexiga e o início da uretra, e é responsável pela produção de parte do líquido ejaculatório, inflama a partir de uma causa bacteriana ou não.

Além disso, graças à sua localização entre a bexiga e a uretra, a inflamação da próstata pode ser confundida com outros problemas relacionados à urina.

Com o inchaço anormal causado pela prostatite, o homem pode sentir dores, desconfortos e até mesmo algumas dificuldades ao urinar.

A prostatite pode ser causada por infecções bacterianas, fungos, vírus, entre outras opções. Mas, um dos tipos mais recorrentes é a causada por infecção bacteriana, mais conhecida como prostatite aguda. 

Outro tipo de prostatite é a como crônica, que aparece de forma natural conforme o avanço da idade do homem.

Para identificar qual a causa da prostatite que o homem possui, é preciso, além do exame físico, realizar uma análise da urina a fim de examinar a fundo o que está acontecendo, além de exames de sangue, ultrassonografia transretal, medição do jato de urina, e por fim a biópsia se necessário.

Lembrando que para aplicar o tratamento é necessário saber qual a causa. Por sua vez, os tratamentos geralmente variam de pessoa para pessoa.

Sendo assim, em caso de desconforto ou se você reparou algum inchaço na região, dirija-se ao médico mais próximo da sua residência o quanto antes para ele tirar as conclusões após os exames e passar o tratamento adequado.

Sintomas da prostatite

Sintomas da prostatite

A prostatite causa alguns sintomas que podem ser facilmente percebidos, entre os principais temos: 

  • Muita vontade de urinar;
  • Ardor ou dor ao urinar;
  • Secreção uretral;
  • Dor frequente na musculatura que fica entre as pernas.

Em caso de prostatite aguda, pode-se ainda encontrar sintomas de febre, dores no abdômen e mal estar. Já a prostatite crônica gera um incômodo no períneo, na lombar e nos testículos.

Além disso, é possível o homem perder a libido e senti dor ao ejacular.

Preste atenção nos sintomas e lembre-se de se dirigir ao médico se sentir algum deles. Somente o médico pode dar o diagnóstico e o tratamento da forma correta.

Qual o tratamento para prostatite

O tipo de tratamento depende exclusivamente da causa da prostatite. Dessa forma podemos ter como opções:

  • Em casos de prostatite bacteriana, é necessário descobrir através de exames qual a bactéria e tratá-la de acordo com o resultado;
  • Alguns anti inflamatórios podem ajudar a aliviar os sintomas;
  • Bloqueadores-alfa, que basicamente são remédios que relaxam a área onde a próstata se encontra, também são uma opção;
  • Massagem, que deve ser feita por um profissional médico da forma adequada, para aliviar os sintomas;
  • Suplementos vitamínicos naturais.

Além do tratamento específico sugerido pelos médicos existem algumas atitudes que podem ajudar a melhorar a sua prostatite, entre elas temos:

  • Realizar banho de assento quente;
  • Diminuir ou não consumir álcool, cafeína e alimentos picantes;
  • Mão passar muito tempo sentado ou fazer exercícios sentados; 
  • Hidratar-se muito.

Como se transmite prostatite

Fique tranquilo, não é possível  transmitir a prostatite, afinal de contas essa doença não é infecciosa.

Mas, vale ressaltar que você que possui prostatite pode estar mais suscetível a contrair alguma DST (Doenças Sexualmente Transmissíveis).  Sendo assim, lembre-se de usar preservativo para se prevenir.

E em caso de qualquer sintoma, vá a um médico.

Como se prevenir da prostatite

Para se prevenir da prostatite basta seguir hábitos saudáveis no seu dia a dia.

Temo como exemplo: manter a  alimentação saudável, praticar exercícios regularmente, ter uma boa higiene pessoal, sempre beber muita água e, é claro, usar preservativos. 

Tudo isso além de sempre estar fazendo exames de rotina para se certificar que tudo está em ordem, e incluir uma suplementação de zinco a partir da alimentação, pois o metal pode ajudar na prevenção da prostatite. 

Evite ingerir bebidas alcoólicas e comidas picantes, também.

É de suma importância procurar o médico assim que algum dos sintomas aparecerem, é somente ele quem pode fazer o diagnóstico e encaminhar o paciente para o tratamento mais adequado. 

Outra dica importante é não se automedicar em hipótese alguma, pois isso é prejudicial à sua saúde.

É necessário ter acompanhamento médico em caso de qualquer sintoma, por isso esteja sempre atento a qualquer mudança em seu corpo.  

Por fim, ficou mais fácil entender o que é a prostatite e o que você pode fazer para identificá-la e em seguida tratá-la da maneira correta.

Muito simples, não é mesmo? Em caso de dúvidas, deixe um comentário aqui embaixo para que possamos te ajudar.

Deixe um comentário